sábado, 31 de maio de 2014

Para debater #1: O fim da programação infantil na TV aberta


   A partir de hoje a nova série "Para debater" irá dar as caras aqui no Universo Leitura abordando diversos assuntos cotidianos pertinentes, alguns polêmicos, outros bem bizarros. E decidi começar com um assunto que perturba muitas e muitas pessoas nostálgicas que cresceram assistindo às aventuras de seus personagens favoritos na TV aberta, através da quase-extinta TV Globinho, ou também pelo Bom Dia e Cia do SBT.
   O que vem ocorrendo atualmente é uma séria desvalorização do conteúdo infantil nestas emissoras, que apenas prezam pelo lucro, como se qualidade fosse apenas um mero detalhe desimportante. Tomamos como exemplo o Band Kids da Rede Bandeirantes, era um programa aclamadíssimo - até hoje é - e atualmente virou um lugar para séries teen sem graça como Brilhante Victória e True Jackson - ICarly é a única exceção. O que antes era um programa divertido e que dada audiência ótima se tornou algo esquecido e pobre de conteúdo (saudades da Kira). A audiência é apenas um dos fatores que fazem deste tipo de conteúdo ter seu devido valor sendo descartado por diretores gananciosos. Obviamente, um programa que já deu o que tinha que dar e já não é mais a galinha dos ovos de ouro de outrora deve ser retirado ou talvez melhorado, uma opção consciente e sensata, que não se viu por parte dos diretores de um certo programa até então famoso e supervalorizado.

TV Globinho e uma época que deixou saudades...
    Fãs ficaram revoltados com a retirada do programa que deu lugar para um dos programas mais chatos da atualidade, o qual não irei mencionar e nem mesmo comentar a respeito. Foi nítida a decadência do programa ao longo dos anos, que acabou por ter sido colocado aos sábados como um tapa-buraco, já não é mais aquilo que víamos antigamente. Os tempos áureos da TV Globinho ficarão na saudade, pois nada será como antes se caso o infantil retornar à grade, possibilidade extremamente improvável e quase que certamente nula. Vindo de uma emissora como a Globo onde a qualidade e o respeito pelo telespectador passam longe não é nada surpreendente, afinal de contas, o que era vantajoso e dava lucro e não tem mais o mesmo fôlego de antes deve ser retirado, este é um tipo de pensamento que deveria ser atribuído a todos os programas da casa, principalmente às novelas, e não só aos programas infantis.

A censura e a repulsa pelos animes no Brasil. 
    Este é até um assunto pra um post só, mas tem espaço garantido aqui, pois liga-se diretamente à temática abordada neste texto. Os animes, por muitos anos, foram classificados como sendo programas livres para todos os públicos, porém, com a nova classificação indicativa, iniciada em 2007, as coisas se inverteram e os animes sofreram consequências duras e os fãs também. Como era bom ligar a TV de manhã e dar logo de cara com um Dragon Ball Z ou Yu-Gi-OH e não um lixo como um tal de Ben10 que vemos hoje iludindo garotos desta geração "Discovery Kids". Depois que toda a lambança contra os animes foi feita, agora temos que nos contentar com o único recurso onde podemos vê-los sem cortes: a internet. Tem a PlayTV, que recentemente adicionou dois ótimos animes em sua grade e merece total respeito pela atitude.

Migração para a TV por assinatura. 
    O fator X para todo este problema está diretamente ligado ao crescente acesso pela TV por assinatura por parte da classe média no Brasil. A popularização de operadoras como Sky, Net, Claro entre outras, com um preço simpático acabam por satisfazer financeiramente telespectadores ávidos por programas de conteúdo que só este tipo de serviço pode oferecer. Eis aqui o imenso problema pelo qual as emissoras abertas passam nos dias de hoje. Os canais infantis dominam o ranking de canais mais assistidos do país e não é a toa, pois o público infantil é o que está mais ligado ao poder da TV por assinatura.
E é por causa disso que nem tão cedo veremos os nosso heróis retornarem para as telinhas. Situação compreensível mas os tempos mudam e com isso a mentalidade humana tende a mudar. Pode parecer uma opinião que soa meio conformista, mas deve ser entendido que não precisamos mais da TV aberta hoje, temos a internet (outro meio de informação e comunicação que está tendo acesso facilitado), um excelente meio de se assistir animes, filmes, desenhos, séries, e também a já citada muitas vezes neste texto TV fechada/por assinatura. Ficamos aqui então com o sentimento de nostalgia, nada melhor do que recordar bons momentos em frente à TV numa época divertida e simples, não como hoje, onde o tempo passa mais rápido e tudo é mais prático e fácil.
    Particularmente prefiro viver em uma época onde prezamos pela diversão simples e sem preocupação com o que vai vir em seguida. Mas a época atual que vivemos não é de toda ruim, o que me impressiona mesmo são pessoas que vêem o lado negativo de tudo, esquecem que tudo tem um lado A e B.
Quem sabe em um futuro próximo (ou distante) as coisas referentes ao universo televisivo mudem pra melhor... não custa nada sonhar.

3 comentários:

  1. Bom cara eu ia ate fala sobre animes na televisão no meu blog, maz vamos oque interessa, bom ainda tem muitas pessoas que não tem canal fechado, então a unica solução e a tv aberta, e hoje em dia os desenhos são muito ruins, so 3 se salva, e animes acho dificil passa em tv aberta, mas isso tudo eu nãi culpo a tv aberta mas sim as classificações indicativa, ela piorou muito as programas dr tv aberto, nisso a tv fechada dominou

    ResponderExcluir
  2. Eu posso dizer que peguei todas, exatamente todas, as fases da TV Globinho, já que nasci nos anos 2000, e desde então vinha acompanhando o programa (além da grade infantil da TV Cultura, é claro) e além do mais, dizer que sinto extrema saudade dos desenhos que passavam lá. Lembro-me também dos animes que passavam na RedeTV! - Cavaleiros do Zodíaco, Pokémon, Yu-Gi-OH, etc - e o Ibope que eles trouxeram para a emissora.
    É muito triste ver o que as emissoras de TV aberta estão fazendo com a cultura infantil, além da japonesa, e a jogando no lixo juntamente com os chamados "desenhos infantis" de hoje em dia (com algumas exceções)...
    Só queria aproveitar e dizer: VAI TOMAR NO ÂNUS, FÁTIMA!

    ResponderExcluir

Críticas? Elogios? Sugestões? Comente! Seu feedback é sempre bem-vindo, desde que tenha relação com a postagem e não possua ofensas, spams ou links que redirecionem a sites pornográficos. Construtividade é fundamental.