5 curiosidades sobre A Violinista Mascarada


Essa veio tarde, eu sei, mas é aquele ditado bem conhecido que já está defasado de ser citado aqui. Portanto, encontrei um bom momento para listar algumas curiosidades sobre a saga mais curta do blog - o que não conta como curiosidade, porque está bem na cara. Confira abaixo:


1 - Seria um conto meio poético com história romantizada 

A primeira versão do enredo em nada se compara á que foi utilizada. Antes da remodelação de toda a premissa, tinha por base uma trama envolvendo dois personagens e somente. A narração em si beiraria a um teor poético, sendo em primeira pessoa. Dois personagens: O cara que se deslumbra pela violinista, uma entidade que sinaliza presságios de morte, até por fim se emburacar na cova porque esse é o destino de todos os que cruzam o caminho dela. Ao menos esse pormenor foi o único resquício dessa narrativa que sobreviveu na reestruturação. Era para ser algo diferente de todos os outros contos da segunda leva de 2014, mas que hesitei em apostar. Acho que dei sorte na decisão.


2 - Vítima da minha procrastinação 

A história corria grave risco de morte/cancelamento por conta desse mal que me persegue e que ganhou força nos últimos meses. Era para sair em Novembro de 2014, então consideram-se cerca de um ano e oito meses de pura enrolação para sentar a bunda na cadeira e escrever. O conto, que carrega alguns elementos da versão rejeitada, foi publicado no penúltimo sábado (23) de Julho do ano passado.


3 - Quase inspirada em uma creepypasta 

Que se chama O Profeta Risonho. Não acho que seja muito conhecida, mas foi por causa dela que a semente da ideia foi plantada para minha história, de forma embrionária até incrementar os outros elementos. Pouco me lembro da trama da creepy, mas é fato que de alguma forma me ajudou a criar essa entidade mortal e sem escrúpulos.


4 - O passado vem depois

Eis a regra para que a experiência de lê-la não seja desastrosa ou sem graça: Primeiro o conto, depois o prelúdio (escrito no formato de minissérie). Nesta exata ordem. Você só desvenda os mistérios do conto se ler o prelúdio. Se fizer o inverso, as revelações não terão nenhum impacto.


5 - Uma força invencível 

O que é a violinista mascarada, na verdade? Explicando resumidamente, ela é uma entidade vinculada à morte com uma capacidade bastante poderosa de ceifar vidas para o seu próprio sustento.
O violino é uma espécia de chamariz para suas vítimas e seu item que serve de "arma" para aplicar os efeitos que lhe são dispostos em sua essência sobrenatural e nesse universo não há nada ao alcance que possa mata-la ou cura-la. Só isso mesmo, o resto você descobre lendo a saga.


Da série "5 curiosidade sobre...":

Nem Tudo É O Que Parece

http://universoleituracontoscreepys.blogspot.com.br/2015/05/5-curiosidades-sobre-nem-tudo-e-o-que.html

Saga Ted (recém-encerrada é pra glorificar de pé!)

http://universoleituracontoscreepys.blogspot.com.br/2016/11/5-curiosidades-sobre-saga-ted.html

Capuz Vermelho (terceira temporada encerrada há duas semanas é pra glorificar de pé! [2])

http://universoleituracontoscreepys.blogspot.com.br/2016/12/5-curiosidades-sobre-capuz-vermelho.html



*A imagem acima é propriedade de seu respectivo autor e foi usada para ilustrar esta postagem sem fins lucrativos. 



Comentários

As 10 +

10 melhores frases de Vegeta

10 melhores frases de Fullmetal Alchemist

Gifs assustadores que não vão deixar você dormir! (Especial Palhaços)

10 melhores frases de Death Note

10 melhores frases de O Homem de Aço

10 melhores frases de Cavaleiros do Zodíaco

10 melhores frases de Coringa

10 melhores frases de As Terríveis Aventuras de Billy e Mandy

Crítica - Saint Seiya: Soul of Gold

10 melhores frases de Mollock (Capuz Vermelho)