Bloqueio(?)


Sem inspiração para extravasar minhas queixas, meus desalentos e descontentamentos. Seria este o fim da jornada que iniciei como única maneira de fugir dos espectrais demônios que açoitam esta mente/alma? Ou somente seria uma armadilha do perfeccionismo e sua inebriante ideia de "você pode fazer algo melhor do que isso"?

A estranha verdade é que não sei o que estou sentindo. E, por incrível que pareça, esta é a primeira vez que manifesto tal fato. Perdeu-se a ideia de sensação, ainda que sabe-se o estado em que se encontra. Eis a barreira imposta. Não há como deixar palavras escorrerem pelos dedos se tudo parece tão amontoado, confuso, disforme e indistinguível. Jurei tentar, mas vi o quão perigoso seria. Contradições, visão desfocada e citações sem sentido e sem efeito seriam alguns dos resultados. Não sei se devo cessar ou se é seguro continuar externando meus monstros. Alguns desabafos os afastam, outros os tornam mais fortes.

Uma completa sobrecarga de pensamentos e sentimentos.

Emudeci mediante à impotência provocada pelo mundo.

Rendido? Não sei. Tudo parece tão frio e azul. A cacofonia de sons persiste, querendo me fazer sucumbir a uma loucura que rejeitei por tempos. Loucura esta que devo impedir de infectar minhas palavras.

Maldita mente perfeccionista... que muito exige e nada oferece.

Comentários

As 10 +

10 melhores frases de Fullmetal Alchemist

10 melhores frases de Vegeta

10 melhores frases de O Homem de Aço

10 melhores frases de Coringa

10 melhores frases de Cavaleiros do Zodíaco

Gifs assustadores que não vão deixar você dormir! (Especial Palhaços)

10 melhores frases de Death Note

Mais 50 fatos sobre mim (Parte 2)

O fim (?) de Dragon Ball Super

Crítica - Boneco do Mal